Últimas Notícias

Homem é preso após ameaça de bomba e tenta levar avião a Soshi...
Esporte que constrói o Brasil.

Memória Olímpica

Cesar Cielo

Velocidade, determinação e vontade de vencer sempre

O primeiro campeão olímpico do Brasil na natação

cielo-pequim-texto_450Tendo como espelho a geração de Gustavo Borges e Fernando “Xuxa” Scherer, Cesar Cielo foi o primeiro atleta da natação brasileira a conquistar uma medalha de ouro olímpica.

Cesar Cielo nasceu no dia 10 de janeiro de 1987, em Santa Bárbara d’Oste, interior de São Paulo, e contou com a ajuda do destino para acabar nas piscinas. Quando garoto, a primeira opção de Cielo foi o judô. Mas seu físico avantajado acabou pesando contra as disputas no tatame. Como era maior que os meninos da sua idade, ele acabava lutando contra atletas mais velhos e sempre perdia. Tentou, então, o vôlei durante o ensino fundamental, já que tinha boa altura. Jogava bem, mas acabou descobrindo ainda muito cedo a paixão pela natação, que começou a praticar por ideia do pai.

Os resultados vieram rápido. Venceu seu primeiro torneio ainda aos 8 anos, em sua cidade natal. A partir daí, tomou gosto pelas vitórias e queria sempre competir. Aos 15 anos, começou a treinar no Esporte Clube Pinheiros e passou a se destacar nacionalmente. Quatro anos depois, foi convidado a estudar e treinar na Universidade de Auburn, nos Estados Unidos. Para conseguir a bolsa, Cielo teve que assinar um contrato que o proibia de quase tudo, até de ter namoradas e sair à noite.

Mas esses detalhes não fizeram a diferença, porque o foco do jovem estava nos treinos. Por isso, rapidamente tornou-se um dos melhores velocistas do mundo. Já nos Jogos Pan-Americanos do Rio de Janeiro, em 2007, arrematou três medalhas de ouro: no revezamento 4x100 m livre, nos 50m e nos 100m livres.

cielo-pequim2-texto_400O grande momento da carreira de Cielo foram os Jogos Olímpicos de Pequim, em 2008. Ao sair da piscina no Cubo D´Água, ele entrou para a história do esporte olímpico brasileiro ao conquistar a primeira medalha de ouro da natação nacional, nos 50 m livre. Ainda superou sua marca brasileira, sul-americana e olímpica da prova, com 21s30, a dois centésimos do recorde mundial, do australiano Eamon Sullivan (21s28). Nessa edição, Cielo ainda conquistou uma medalha de bronze nos 100 m livre.

Nos Jogos de Londres 2012, apesar da expectativa para o bicampeonato mundial, Cielo encerrou a sua participação com a medalha de bronze nos 50 m livre (21s59), em prova vencida pelo francês Florent Manaudou em 21s34. A comemoração veio pela terceira medalha olímpica da carreira.

Recuperado da derrota de Londres e de uma cirurgia no joelho, Cielo fechou o ano de 2013 como o único tricampeão mundial dos 50 m livre da história e o nadador mais rápido de todos os tempos antes e depois dos supermaiôs (20s91 é o recorde mundial e 21s32 o tempo na era pós-trajes). E quer nadar ainda mais rápido para fazer bonito em casa nos Jogos Olímpicos de 2016.

Fotos: Divulgação


Fatal error: Call to a member function getLink() on a non-object in /home/storage/a/b4/92/memoriaolimpicabrasi/public_html/incs/coluna_direita_os_jogos.codigo.php on line 28