Últimas Notícias

Homem é preso após ameaça de bomba e tenta levar avião a Soshi...
Esporte que constrói o Brasil.

Memória Olímpica

Alberto Marson

albertomarson_cbat_318Com disciplina e solidariedade,

O basquete brasileiro se apresenta para o mundo


Alberto Marson fez parte da primeira equipe brasileira de basquete a conquistar uma medalha em Jogos Olímpicos, que terminou em 3º lugar nos XIV Jogos Olímpicos de Verão, realizados em Londres, Inglaterra, no ano de 1948. A edição marcou o restabelecimento do calendário olímpico após o fim da Segunda Guerra Mundial, em 1945.

Nascido em Casabranca, interior de São Paulo, no dia 2 de fevereiro de 1923, Marson começou a se dedicar ao basquete aos 13 anos, por incentivo de seu professor de Educação Física. Logo, chegou ao time da Associação Casabranquense de Cultura Física, onde aprendeu mais sobre o esporte com Alcino Pellegrini, atleta de Casabranca que chegou a defender a seleção brasileira.

Em 1945, mudou-se para São Paulo para dar início à faculdade de Educação Física, quando também passou a ser atleta da equipe de basquete do Tênis Clube Paulista. Suas boas atuações lhe renderam o convite para integrar a seleção brasileira que iria representar o país nos Jogos Olímpicos de Londres. A preparação do time durou um ano e seguia o modelo militar: em 1947, confinados na Escola de Educação Física do Exército, no Rio de Janeiro, atletas e técnico experimentavam o estilo de vida dos soldados, que enaltece a disciplina e a solidariedade.

A equipe que viajou para Londres era composta por 10 atletas e um técnico. Na competição, foram 7 vitórias até a derrota para a França na semifinal. Na disputa pelo bronze, derrotou o México, por 52 a 47, e garantiu a primeira medalha do basquete brasileiro, assim como a primeira do país em modalidades coletivas numa edição dos Jogos Olímpicos. Nos anos seguintes, Marson ainda foi vice-campeão com a seleção brasileira no Campeonato Sul-Americano de Basquete de 1949, no Paraguai, e conquistou a medalha de bronze nos Jogos Pan Americanos de 1951, na Argentina. Ao todo, disputou 15 jogos pela seleção em competições oficiais.

Marson teve sua carreira interrompida ao sofrer uma queda durante um treino, quando sofreu duas fraturas e estiramento dos ligamentos do pé. Sem médicos especializados na época, ficou por 3 anos tentando se recuperar. Desde então, se estabeleceu em São José dos Campos, no interior de São Paulo, onde foi professor de Educação Física em diversas instituições de ensino, além de ter sido técnico de basquete nos clubes da cidade.

Texto baseado no livro Heróis Olímpicos Brasileiros, da autora Katia Rubio (Editora Zouk, 2004).
Foto: Divulgação / CBB


Fatal error: Call to a member function getLink() on a non-object in /home/storage/a/b4/92/memoriaolimpicabrasi/public_html/incs/coluna_direita_os_jogos.codigo.php on line 28